A freguesia da Ribeirinha dispõe a partir de agora de uma nova via. A antiga Canada da Parreira foi transformada num arruamento com meio quilómetro de estrada e cerca de 3 mil e seiscentos metros quadrados de asfalto, há muito uma ambição da população local.

A intervenção realizada pela Câmara Municipal de Angra do Heroísmo através dos Serviços Municipalizados de Angra do Heroísmo, na Canada da Parreira, no valor de 150 mil euros incluiu também o alargamento da via, instalação de rede de águas e saneamento básico.

A inauguração decorreu, ontem, na presença da presidente da autarquia, vereadores com pelouro, presidente da Assembleia Municipal, presidente da Junta de Freguesia da Ribeirinha, diversas autoridades civis e militares e vários populares.

A presidente da Câmara Municipal frisou no momento que a inauguração da Canada da Parreira simboliza “melhores condições de vida para a população da freguesia e permite, segundo a autarca, expandir a zona residencial da freguesia e aceder com mais facilidade à zona de exploração agrícola”, adiantou.

No entanto, Andreia Cardoso não deixou de sublinhar que “atendendo às actuais condições financeiras do país e aos anunciados cortes nas transferências de estado para as autarquias locais é imperativo definir as prioridades, “não vamos poder executar tudo o que desejamos”, advertiu a autarca.

A autarca recordou, contudo, que no orçamento deste ano e para a Freguesia da Ribeirinha estão incluídas a pavimentação da Canada da Boticária e a criação de um novo arruamento de acesso à nova escola, cuja obra de construção foi visitada pela presidente da autarquia angrense.

FONTE: www.auniao.com
13.07.2011